Notícias
Exposição na ESEnfC celebra 200 anos do nascimento de Nightingale

 

Patente, desde o dia 10 de fevereiro, na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC) – átrio do edifício da instituição no Polo A, na Avenida Bissaya Barreto, em Celas –, a mostra “Bicentenário do Nascimento da Dama da Lâmpada - De Nightingale aos dias de hoje” retrata alguns dos principais momentos da vida e obra de uma das fundadoras da Enfermagem moderna, pioneira no tratamento de feridos na Guerra da Crimeia (1854-1856).

 

 

Florence Nightingale (1820-1910), personalidade inglesa nascida em Florença (Itália), filha do milionário William Shore Nightingale, que estudou matemática, filosofia e línguas estrangeiras e que descobriu a vocação para a enfermagem numa viagem ao Egito, onde visitou alguns hospitais, é assim lembrada 200 anos após o seu nascimento, numa iniciativa que a ESEnfC decidiu inserir no vasto programa comemorativo que preparou para celebrar o Ano Internacional do Enfermeiro e da Parteira, assinalado em 2020 segundo declaração da Organização Mundial de Saúde.

Aida Cruz Mendes, presidente da ESEnfC, afirmou, na inauguração desta mostra, que, embora «alusiva aos 200 anos do nascimento de Nightingale», a exposição reflete um «legado que continua, hoje, moderno».

«O legado que nos deixou enfatiza a necessidade de uma enfermagem qualificada, cientifica e politicamente empenhada para a melhoria da saúde das populações. Apesar de hoje as enfermeiras constituírem cerca de metade da força de trabalho em saúde estima-se que também é neste setor profissional que se encontram as maiores carências. Hoje é reconhecido que investir em enfermagem tem um triplo impacto: melhorará a saúde, promoverá a igualdade de género e apoiará o crescimento económico», escreve a dirigente máxima da ESEnfC, no guia sobre a exposição.

Florence Nightingale, a quem se deve a criação da primeira escola de Enfermagem estatal em Inglaterra, no St Thomas’ Hospital, em Londres (1860), contribuiu, ainda, com o seu percurso e intervenção, para a emancipação feminina, insistindo – testemunho disso é o seu livro Suggestions for thought for searchers after religious truth (Sugestões de reflexão para os que buscam a verdade religiosa) – na eliminação das restrições que impediam as mulheres de assumirem uma carreira profissional.

O Dia Internacional da Enfermagem é celebrado a 12 de maio, tendo como referência a data de aniversário de Florence Nightingale.

As comemorações do Ano Internacional do Enfermeiro pela ESEnfC, que têm como entidades parceiras Câmara Municipal de Coimbra, Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, Instituto Português de Oncologia de Coimbra Francisco Gentil e Administração Regional de Saúde do Centro, compreendem perto de 30 iniciativas distribuídas ao longo do ano, entre conferências, seminários e exposições.

 

[2020-03-03]

 ESEnfC | Notícias


Eventos
Ver Todos

  • JAN
    30
    ESEnfC - Polo C
    3rd Evidence Implementation Training Program
  • NOV
    08
    Online
    I Seminário Internacional IINNCare: Inovação e Implementação em Cuidados Neonatais
  • OCT
    28
    ONLINE E PRESENCIAL
    II Colóquio Internacional de Envelhecimento, Saúde e Cidadania
  • OCT
    20
    ONLINE E PRESENCIAL
    1º Seminário Internacional da RESM-LP: As Mulheres e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável - Contributos da RESM-LP
  • OCT
    10
    Convento de S. Francisco - Coimbra
    X Congresso Iberoamericano de Universidades Promotoras da Saúde